Era Uma Vez A Vida

Boa tarde a todos!

Mais um post dedicado aos apontamentos no Caderno Verde!

Beijinhos a todos e até ao próximo post dedicado à 2ª fase_ A Infância, da Blogagem Colectiva “Fases da Vida”, proposta pela Rute.

Isabel

x

Caderno Verde

Era Uma Vez A Vida

Desde que contei da visita ao Castelo dos Mouros em Sintra e do encontro com a ossada humana, que continua por aqui a “fase do Corpo Humano”. Eu chamo-lhe fase, mas poderia chamar-lhe “interesse director de actividades”, por exemplo, e que se vai conjugando com mais alguns “interesses directores” como o do post passado, por exemplo.

Lembrou-se, sim, de ir buscar o quadro branco para me desenhar, só que desta vez o desenho saíu um tanto diferente, pois o meu corpo, em relação a como o representava imediatamente antes, tem agora representadas “as articulações”, isto porque andou precisamente a estudar o esqueleto. Ora vejam, os ombros, os cotovelos…

… aqui é um pormenor dos meus cabelos que agora também desenha de modo diferente (até agora eram uns pauzinhos espetados, tal como os raios de sol…)… e as minhas orelhas têm sempre brincos, não sei bem porquê (deve achar piada quando os ponho)…

Continua o desenho…

… volta atrás, faltavam as maminhas…

… ah, pois, esquecera-se dos joelhos…

Desenho completo:

Nunca me pareceu que ele tivesse jeito para desenhar ou que goste de o fazer, mas o que é certo é que utiliza várias vezes o desenho para representar algo que quer que fique representado e para registar “as instruções de como construir um barco em peças de lego”, por exemplo, ou outras coisas que ache por bem registar.

Dedica-se à representação dos pormenores, como se pode ver no desenho seguinte, que se seguiu a este: “Agora mãe vou mostrar-te como era quando eu estava dentro da tua barriga”:

“Atenção, mãe, isto é a tua barriga “em grande”, por isso não te vou desenhar toda, só esta parte” (estávamos os dois sentados na cama, num Sábado de manhã):

E agora o cordão umbilical (os pontinhos são os bocadinhos de comida que estão a passar de mim para ele, bebé, ainda dentro da minha barriga):

Finalmente coloriu a barriga com cor de pele:

Quando o pai chegou do trabalho (trabalha muitas vezes ao Sábado) mostrámos-lhe este desenho e as fotos do anterior e eu, ao pedir-lhe para ele reparar nestes pormenores do funcionamento do corpo humano, pedi-lhe de novo (já lhe tinha pedido uma vez, mas ele estava com muito trabalho na altura e depois esqueceu-se) para ele tentar arranjar a série já tão antiga “Il Était Une Fois… La Vie”, que a minha filha mais velha, hoje com 25 anos, gostava tanto de ver em pequena.

E não é que estava mesmo na net?

Seguiu-se que ficámos com 26 episódios das várias funções do corpo humano e o Alexandre não descansou enquanto não viu os 26 episódios… seguidinhos (todo o Domingo ocupado)…

Depois disso já me andou a explicar como é que as doenças se pegam, como funcionam os músculos e porque é que ficamos cansados quando fazemos exercício físico e mais uma série de coisas que se vai lembrando.

Deixo-vos aqui o link para uma parte de um episódio sobre a digestão, que depois vim a encontrar no novo blog de uma família em Ensino Doméstico (coincidências???) que aproveito aqui hoje também, para vos apresentar, o blog da Marta e dos seus três filhos, em Ensino doméstico.

Anúncios

4 Respostas so far »

  1. 1

    Marta said,

    Olá Isabel !

    Pois, o Tomás também é grande fã destes bonecos tão giros e que também a nós nos trazem recordações! Não, não são coincidências

    Este fds, como podes ler lá no blog, nao deu tempo para ir a fabrica do vidro, mas obrigada pelas tuas indicações. Tentarei ir lá em breve.

    Obrigada também pelo link.
    Bjinho

  2. 2

    Obrigada, Marta, beijinhos! Boas visitas!

  3. 3

    […] Há umas semanas atrás apeteceu-lhe ver de novo os dvd’s da série (francesa) “Era Uma Vez A Vida” que ensina muitas coisas sobre o funcionamento do corpo humano e da qual já uma vez falei neste outro post. […]

  4. 4

    […] muito interessante e explicativa do funcionamento dos vários órgãos e sistemas do Corpo Humano (1ª vez, aqui). O Alexandre aprecia-a […]


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: